Tupy alcança novo recorde e tem maior EBITDA da sua história

A Tupy conquistou o maior EBITDA de sua história neste terceiro trimestre: R$ 188,7 milhões (EBITDA ajustado de R$ 206,6 milhões, com margem de 15,4%). A empresa também aumentou seu caixa operacional em 105% (R$ 155,3 milhões) em relação ao trimestre imediatamente anterior.

Com relação à sua receita, de R$ 1,33 milhão, houve um aumento de 1,8% em relação ao mesmo período de 2018. Segundo a fundição, o desempenho se deve ao melhor mix de produtos, com destaque para a participação de produtos com maior valor agregado, a exemplo de produtos usinados e fundidos em CGI, que representaram 26% e 22% do volume produzido, respectivamente.

Segundo comunicado da empresa, a Tupy continua se beneficiando da recuperação do mercado interno, cujas receitas apresentaram crescimento de 11,7% em relação ao ano passado, principalmente, devido ao aumento das aplicações para veículos comerciais e segmento de hidráulica, que apresentaram incrementos de 32,6% e 15,4%.

As exportações para a América do Norte representaram 63,2% da receita da empresa no terceiro trimestre de 2019, enquanto as Américas do Sul e Central, Europa e Ásia, África e Oceania representaram 19,7%, 11,6% e 5,5%.